Recortes de Imprensa


Vitacress e McDonald's, uma relação «biunívoca»
2017-04-01


Há cinco anos que a Vitacress fornece a McDonald's Portugal. A parceria, em que ambos ganham, é para continuar e vai além dos restaurantes. A produtora de hortícolas é uma "quinta modelo" da marca estadunidense e fornece também as casas Ronald McDonald's que apoiam famílias com crianças hospitalizadas.

Sara Pelicano Agrião de água, uma salada com mistura de folhas baby, alface iceberg e cenouras baby são os produtos com assinatura Vitacress na cadeia de restaurantes McDonald's. A parceria tem já cinco anos e irá continuar. Luís Mesquita Dias, diretor-geral da Vitacress, comenta que «a principal mais-valia é trabalhar muito de perto com uma empresa profissional, que pelas suas exigências, legitimas, justificadas e bem fundamentadas, nos leva a também sermos mais exigentes com nós próprios». A empresa produtora de hortícolas prima a sua atividade pelo rigor e pela constante certificação, mas a McDonald's veio reforçar ainda mais este critério da marca.

«Naturalmente, cada novo cliente, com as características da McDonald's, tem algum tipo de exigência acrescida. Para nós, isso é muito bom.» Luís Mesquita Dias aponta ainda como mais-valias desta parceria o negócio - porque com a dimensão que a McDonald's tem, há «algum impacto na companhia» - e a imagem. «Ser parceiro da McDonald's é um cartão de visita porque toda a gente sabe até que ponto eles são exigentes e uma empresa que consegue trabalhar com eles, com certeza que tem credenciais para trabalhar com outros.» A Vitacress pertence ao Grupo RAR, que actua também em Espanha e Inglaterra. A atividade em Portugal iniciou-se na década de 1980 com uma exploração em Odemira, Alentejo.

Exploram atualmente 250 hectares e ponderam recolher produção de outros agricultores, sobretudo de iceberg, para poder fornecer a cadeia de restaurantes estadunidense todo o ano com produto nacional. «Por questões climatológicas, em alguns momentos do ano, não conseguimos fornecer a 100% a alface iceberg. Todos os outros produtos são nossos.

Recorremos a Espanha quando precisamos de iceberg.» Luís Mesquita Dias esclarece que estão a procurar produtores e esse trabalho é desenvolvido em parceria com a empresa de restauração. «Qualquer novo produtor a trabalhar para nós tem de ser aprovado pela McDonald's, por isso os princípios de rigor e exigência são os mesmos.» Na facturação da empresa produtora no Alentejo, o fornecimento dos restaurantes de fast food, apenas de Portugal, representam 8%, sendo que são ali entregues entre 1.500 e 2.000 toneladas de produto. «Eventualmente, poderíamos fornecer Espanha, mas da mesma maneira que a McDonald's Portugal faz questão de ter produtos locais, em Espanha acontece o mesmo. A proximidade da origem é um dos aspectos que temos em conta.» A cadeia de restaurantes acompanha de perto o trabalho dos seus parceiros, realizando auditorias nas quais avaliam a qualidade do produto e da operação, a tipologia das máquinas e a sua manutenção, os aspectos de segurança no trabalho e responsabilidade social.

Esta relação passa também por sugestão de novos produtos, bem como de compreensão quando o clima não está favorável à agricultura. O director-geral da Vitacress explana que esta é uma relação «biunivoca». A titulo de exemplo recorda que sugeriram à McDonald's o uso da sua "folha-rainha", o agrião.
«Imagino que se não trabalhassem connosco, talvez tivessem um hambúrguer com outra coisa qualquer, mas não com agrião de água. Esse é um caso concreto, de que me lembro, de termos sido nós a sugerir que o agrião de água fosse utilizado. Mas o contrário também é verdade. E, nesse sentido, tentamos sempre responder às necessidades deles.» Este ano, a agricultura foi difícil porque as condições climáticas não foram as mais favoráveis. Colocaram-se desafios que, em parceria, foram ultrapassados. O nosso interlocutor FILEIRA conta que em «Em períodos difíceis, de matéria-prima escassa devido ao mau tempo, exige-se um trabalho próximo e conjunto.
Neste Inverno, tivemos a certeza, tanto nós como eles, de que se não houvesse, de um lado e do outro, uma parceria de qualidade e dedicação tão grandes, teria sido muito mais difícil ultrapassar o problema.

Nestas ocasiões, a McDonald's faz um rearranjo pontual da operação logística de maneira que facilite a nossa ação».


Vitacress, a flagship farm nacional
Em 2015, a Quinta da Azenha, em Odemira, foi distinguida como flagship farm, uma "quinta modelo" na ótica da McDonald's. Esta distinção é a única atribuída em Portugal e destaca as «práticas económicas, financeiras, sociais e ambientais de excelência» da Vitacress. Esta distinção «dá-nos um prazer muito grande. Não sendo especificamente uma certificação, é um estatuto que só se consegue com um conjunto de práticas muito exigente, muito acima da média, que na Quinta da Azenha conseguimos garantir», afiança Luís Mesquita Dias. As preocupações com a produção passam pelo controlo do uso de fertilizantes, pela redução da utilização de água, pela manutenção da biodiversidade e pela preocupação com a formação dos colaboradores.


Fornecedores da Casa Ronald McDonald's
A Vitacress fornece também as casas Ronald MacDonald de Lisboa e do Porto desde o início da parceria. Este projeto é da Fundação Infantil Ronald McDonald (FIRM), que existe em Portugal desde 2000. Tratam-se de casas que abrigam famílias de crianças hospitalizadas por doenças graves. «É "uma casa longe de casa" onde os pais podem estar com outros, amparando-se emocional e mutuamente», lê-se no site da FIRM. Autor: Sara Pelicano



 

Download: vitacress_e_mcdonalds_uma_relacao_biunivoca_1493982295.pdf (309KB)
    •